Seja Bem Vinda!

A mulher que Teme ao Senhor, essa sim será louvada. Provérbios 31:30

“O Problema com o Casamento Perfeito do Pinterest” por Benjamin Vrbicek

Querido casal cristão de noivos, Sinto-me honrado por vocês me pedirem para ministrar seu casamento e para caminhar com vocês no aconselhamento pré-nupcial. Tem sido uma alegria ver a fé de vocês em Cristo, o serviço conjunto de vocês na igreja e o amor um pelo outro crescer. Durante nossas reuniões de aconselhamento, nós passamos por assuntos como o comprometimento vitalício do casamento, o ato de tornar-se uma nova família, a concepção e a criação de filhos, o orçamento e as finanças e a intimidade sexual. Essas tendem a ser áreas sensíveis que possuem o potencial de trazer grande alegria nos anos que se seguirão, mas também de trazer, às vezes, grande dor. Entretanto, hoje estou escrevendo sobre o casamento – sobre o dia, a cerimônia e a festa que virá depois. Parece que há nos casais uma pressão sutil – mas crescente – de fazer com que o dia do seu casamento seja melhor do que os dos outros, como se se tratasse de uma competição para ver quem terá o casamento perfeito do Pinterest. Ninguém diz isso abertamente (até porque soaria ridículo). Mas é algo que acontece, e parece, para mim, que é algo que acontece com bastante frequência. Recentemente eu peguei uma revista de casamento. Nela havia propagandas para locais de recepção em todos os tipos de lugares, desde celeiros rurais até salões vitorianos. Os vestidos e as fotografias prometiam ser “únicos”, “customizados”, “especiais”, “perfeitos”, “inesquecíveis” e, é claro, “dos seus sonhos”. Além disso, para ajudar você a planejar seu casamento perfeito, um artigo oferecia um “checklist” de seis a oito itens “essenciais”. A pressão é...

Teaser: Entrevista com Mary Beeke: Vida Devocional da Mãe.

 No dia 22 de julho de 2015 eu tive a oportunidade de passar 3 horas com a nossa querida Mary Beeke, absorvendo de sua sabedoria sobre o seu livro “a lei da bondade”, casamento, criação de filhos, sua experiência como esposa de pastor, etc. Mary Beeke é um exemplo de doçura, bondade, humildade, gentileza, etc. Não é atoa que o seu marido, o Dr. Joel Beeke a chama de rainha, sua melhor metade, e sempre diz que o “seu valor excede ao de rubis”. De fato Mrs. Beeke, como todos a chamam, é uma verdadeira mulher de Provérbios 31, “Fala com sabedoria, e a instrução da bondade está na sua língua.” Pv 31:26 Após uma saga para conseguir editar, voluntários para traduzir e legendar, em breve começaremos a finalmente publicar a entrevista que fizemos com as perguntas que nossas leitoras enviaram. Publicaremos aos poucos pequenos trechos divididos por assunto. Hoje compartilharemos com vocês apenas uma pequena amostra para deixá-las com água na boca! 😉 Nesse curto video Mrs. Beeke, responde a pergunta: “Como uma mãe constantemente ocupada com cuidado de filhos pequenos pode manter a sua vida espiritual em dia?”. De forma muito emocionada ela compartilha um pouco de sua experiência como mãe de 3, já adultos. Não deixe de assistir e compartilhar! Com amor, Flávia Silveira * Tradução: Julia Quaresma Revisão: Roberta Macedo Legenda: Lucas Galindo e Nayane Fernandes Edição e Entrevista: Flávia Silveira Colaboração: Virginia Canuto _____________________ *Mary Beeke é esposa do Dr. Joel Beeke e mãe de Calvin, Esther e Lydia. Ela trabalhou como enfermeira e professora, e tem mestrado em educação especial. Desde 1989 é dona-de casa e esposa de pastor....

“O Casamento Bíblico” por Pr. Augusto Brayner

http://www.mulherespiedosas.com.br/wp-content/uploads/2016/06/MPA-7.mp3 Introdução: Há não muitos anos, talvez 30 ou 40, o tema do divórcio e do novo casamento não tinham tanta importância no meio da Igreja. Não que fossem questões consideradas marginais, mas porque não parecia ser um inimigo tão grande naquele período. As famílias eram bem mais firmes e estáveis, os filhos tinham mais certeza que teriam seus pais juntos ao longo da vida. Segundo Jay Adams, a única obra considerável sobre o tema era “Divorce” de John Murray. Um livro de difícil leitura e que nunca fora muito popular. Contudo, hoje as prateleiras estão cheias dos mais variados tipos de livros sobre o tema, quase todos, com boa dose de tradicionalismo e liberalismo e quase nada que emane da Escritura. Diante disso, me proponho a falar um pouco sobre o tema o dividindo em três pequenos artigos, sendo este primeiro mais voltado ao casamento, noivado, namoro e solteirice à luz da Escritura. Podemos perceber como a Igreja foi tomada por casos e mais casos de divórcios, são inúmeras as pessoas que já estão no terceiro ou quarto casamento e continuam na Igreja, quando não são eles próprios os pastores. O casamento foi tão banalizado a ponto de haver igrejas com uma junta de advogados para lidar exclusivamente com os divórcios de seus membros. Há algo de muito sério acontecendo! Não se pode deixar de dar a atenção adequada a um assunto que mexe com a vida da Igreja de maneira tão profunda. Portanto, faz-se necessário que comecemos a tratar do tema a partir dos seus fundamentos, considerando as pressões próprias da nossa época. AS PRESSÕES DA PÓS...

“Despertando para a vida acadêmica do seu filho” por Alessandra Brotto

O objetivo deste texto é simplesmente tentar despertar as mães para um mal escondido, na verdade, sagaz, assim como a Serpente, que com palavras falsas “envenenou” a mulher no Éden. “Mas receio, que assim como a serpente enganou a Eva com a sua astúcia, assim também seja corrompida a vossa mente e se aparte da simplicidade e purezas devidas a Cristo” II Cor. 11:3. Irmãs, temos que concordar que nosso maior ministério, são os nossos filhos. O Senhor nos deu tal responsabilidade e dela prestaremos conta. “Todavia, será preservada através de sua missão de mãe, se ela permanecer em fé, e amor, e santificação, com bom senso.” I Tim. 2:15. Pode parecer que eu esteja sendo dura, mas estou aqui somente para admoestá-las em amor. “Mas, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo.” Ef. 4:15. Como tem sido o acompanhamento escolar do seu filho? Não estou falando em entender aritmética, ou decorar fórmulas de química. Mas principalmente aquelas que têm filhos na Educação Infantil e Ensino Fundamental: você tem acompanhado? Você alguma vez folheou o livro didático ou paradidático dele? Quero contar a vocês uma pequena experiência pela qual eu passei. Por estar envolvida na área de educação, me sentia completamente segura quanto ao conteúdo visto pelos meus filhos. Apesar de eles irem a escolas seculares, sempre os acompanhei. Eu confiro agenda, faço juntamente a tarefa com eles, vou às reuniões de professores, converso com diretoras e coordenadoras. Porém, no começo desse ano, minha filha – de nove anos na época – ao folhear seu livro de interpretação de texto se depara...

“Deus te convida à felicidade dEle” por Mark Jones

http://www.mulherespiedosas.com.br/wp-content/uploads/2016/06/MPA-5.m4a   De todos os atributos infinitamente gloriosos de Deus, talvez sua felicidade seja o que mais deveria nos provocar inveja. Em Deus está a perfeita união de todas as coisas boas. Ele tem plenitude, deleite e alegria eternamente infinitos em si  – de um jeito que jamais seremos capazes de apreciar completamente o que sua alegria é para ele. Se Deus fosse infinitamente bom, mas incapaz de efetuar o bem porque lhe falta poder, isso o tornaria infeliz. Se Deus fosse misericordioso e santo, mas lhe faltasse sabedoria para salvar pecadores de uma forma que fizesse justiça a sua misericórdia e santidade, ele também seria infeliz. Se Deus não fosse triúno, seu amor por si mesmo o faria também infeliz. De fato, se Deus fosse eterno, mas carecesse de conhecimento infinito, ele seria mais infeliz que aqueles que estão no inferno. Como o ser perfeito, em quem todos os atributos gloriosamente harmonizam-se um com ou outro, Deus desfruta de uma vida que é muito feliz pois ele tem completa realização em seu ser. Onde há infinitas sabedoria, santidade, bondade, poder, conhecimento e mais, também há felicidade infinita. Todas as Coisas Boas estão em Deus Se há alguma felicidade verdadeira fora de Deus neste universo, esta é uma felicidade que se deriva de Deus. De fato, segundo John Owen, “a própria natureza humana de Cristo nos céus não está [fora de Deus]; ela vive em Deus, e Deus nela, em total dependência de Deus, e recebendo abençoadas e gloriosas comunicações dele” (Works of John Owen, 1:325). Além disso, a felicidade – ou “bem-aventuraça” – de Deus nunca deve ser considerada...

[Mulheres Prendadas] Batatinhas preguiçosas

Quanto mais tempo na geladeira, melhor! Esta conserva de batatas é uma delícia e perfeita para acompanhar churrasco de carne ou frango assado. 4 batatas inglesas 1/2 cebola picada 1/4 de xícara de salsinha picada 2 dentes de alho picadinhos 1/2 xícara de azeite/óleo 1 xícara de vinagre 2 xícaras de água Sal e pimenta do reino à gosto Lave bem as batatas com a casca e corte em cubos Cozinhe as batatas já com sal até ficarem al dente Em um recipiente grande coloque a água, vinagre + óleo e misture bem Junte o alho picadinho, a salsinha e a cebola Tempere com pimenta Daí é só juntar as batatas cozidas e deixar na geladeira apurando até a hora de servir ____________ * Juliana Stelli tem 32 anos, é casada com Filipe Levi há 6, com quem tem 3 filhos: Fernanda, de 5 anos e Daniel, 2 anos e Pedro. Ela é Amazonense, mas mora em Recife onde congrega na Igreja Presbiteriana da Aliança. Juliana trabalha em casa, ela é a dona do blog de...

“Educação Domiciliar: Por onde começar – Parte2” por Rachel Oliveira

Ainda não leu a parte 1? clique aqui. Crie o hábito da leitura!! A base para uma boa educação é a leitura. Desde pequenos, ainda de colo, devem começar a ouvir histórias, muitas histórias. Compre livros, visite sebos! Se não existir na sua cidade, entre em sites comoEstante Virtual e adquira alguns exemplares. Procure indicação de bons livros!! Aqui no blog já temos algumas e em breve colocaremos mais. Para crianças pequenas não é necessário encher a casa de livros. Elas gostam (e precisam) de ouvir várias vezes a mesma história. Se seu filho já for maior, descubra o interesse dele e invista. Se a criança tiver gosto pela leitura o “mundo” estará disponível para ela e depois ela não lerá apenas o que gosta, mas abrirá seus horizontes. Reserve um espaço em casa para colocar uma prateleira ou uma estante com os livros. As crianças devem ter acesso fácil a eles. Se possível, separe um local próprio para a leitura, que seja aconchegante e convidativo! Conheço uma família que tirou seus filhos já grandes da escola e gastou um ano completo “só” incentivando a leitura, pois eles tinham tempo de ler apenas o que era indicado pela escola. Esse tempo de “férias” não foi perdido nem houve atraso. As crianças começaram a devorar livros e em pouco tempo tinham ganhado muito conhecimento. Embora não seja a melhor opção, há também ebooks e livros disponíveis (e autorizados) em pdf, no caso de não haver possibilidade de compra-los. Faça amizades com pais homeschoolers!! Essa expressão, homeschooler, é usada para a pessoa que ensina em casa. Encontre um grupo na internet...

[Mulheres Prendadas] Moussaka – Lasanha Grega

Para quem gosta de berinjela, esta receita é perfeita! Muito prática, leve e deliciosa e melhor ainda: pode ser preparada com antecedência e mantida na geladeira por até 2 dias ou congelada por até um mês e na hora de consumir é só ir direto para o forno: 1 berinjela grande ou 2 médias cortada em fatias bem finas no sentido do comprimento 500g de carne moída 2 dentes de alho 1 cebola Sal e pimenta a gosto 1 pitada generosa de canela 3 colheres de extrato de tomate 3 xícaras de leite 3 colheres de farinha de trigo 3 colheres de manteiga Noz moscada a gosto 200g de queijo muçarela Comece grelhando as fatias de berinjela em uma frigideira dos dois lados e reserve Em uma panela coloque a carne moída e deixe cozinhar, mexendo de vez em quando e soltando os pedacinhos que se formarem Quando a carne soltar toda a água e começar a dourar, acrescente o alho, a cebola o sal e a pimenta do reino Refogue por 10 minutos, acrescente a canela, o extrato de tomate e se necessário um pouco de água Em outra panela derreta a manteiga e junte a farinha de trigo, misturando bem Adicione o leite e mexa bem até virar um creme espesso Tempere com sal e noz moscada a gosto Monte a lasanha: uma camada de berinjela, outra de carne, outra de berinjela, outra de carne e finalize com a berinjela Cubra com o molho bechamel e finalize com o queijo Leve ao forno máximo preaquecido até gratinar e sirva a seguir ____________ * Juliana Stelli tem 32 anos,...

“Educação Domiciliar: Por onde começar – Parte1” por Rachel Oliveira

http://www.mulherespiedosas.com.br/wp-content/uploads/2016/06/MPA-4.m4a A cada dia cresce o número de pessoas que tomam conhecimento do que seja a educação domiciliar (homeschooling). Alguns ficam apenas na simpatia, outros entendem ser esta uma boa ou a melhor opção para seus lares. A partir de então começam a buscar mais informações e, inevitavelmente surge a pergunta: e por onde começo? Não há uma fórmula, um “abc” que mostre o caminho. Entretanto, neste post vamos tentar dar algumas dicas que te ajudarão a dar os primeiros passos na busca de conhecimento e tomada de decisões. Geralmente, o primeiro sentimento de quem decide educar os filhos em casa é o de insegurança. Será que vou dar conta? Será que ele vai aprender? Será que vou conseguir material adequado? Infelizmente, por muitos anos nos foi passada a ideia de que a escola é o único lugar capaz de ensinar e de que fora dela não há como formarmos cidadãos competentes, letrados, inteligentes e capazes de exercer uma profissão. Isso não é verdade! A escola é uma das opções, mas não a única. Então, talvez o primeiro passo seja entender e acreditar que você é capaz de ensinar seus filhos. Você é capaz! Essa certeza não vem de uma confiança em nossas competências e inteligência. Ela vem da certeza de que Deus nos chamou para ensinarmos nossos filhos. “E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração; E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te. Também as atarás por sinal na tua mão, e te serão por frontais entre os teus olhos. E as escreverás...
Página 1 de 7012345...1020304050...Última »