Seja Bem Vinda!

A mulher que Teme ao Senhor, essa sim será louvada. Provérbios 31:30

“Pecados Virtuais: Pecados Reais – Parte 2” por Pr Fernando de Almeida

Ainda não leu a parte 1? clique aqui. Perigos que ameaçam os jovens e adultos Tem coisas que são erradas por si só; é o caso do consumo de drogas. Não pode existir um uso consciente e equilibrado disso. Por outro lado, há coisas que não podem ser definidas se são certas ou erradas a não ser pelo uso que se dá a elas. A internet é assim, e hoje, veremos como jovens e adultos são tentados a cair em tentação bem diante do computador. I. O Problema da Solidão Deus criou o ser humano para se relacionar. Isso faz parte da própria essência do Criador pois Deus é Triúno. Por isso, Deus criou dois gêneros em vez de um só e os chamou macho e fêmea e deixou leis que deveria regular a relação entre um ser humano e outro. Cristo fez amizades ao ponto de ter amigos mais chegados. No jardim do Getsemani, por exemplo, Jesus chamou seus três mais chegados amigos (Pedro, Tiago e João), para orar com ele. O momento era de extrema aflição pois nosso mestre estava para ser entregue a morte por nossos pecados e queria ser consolado e animado por seus amigos queridos. De fato, como escreveu Salomão, há amigos mais chegados que irmãos (Pv 18.24). As amizades verdades são constituídas à partir de experiências comuns. Olhar nos olhos (não através de uma webcam), o tato e o fator presencial nunca poderá ser substituído por um contato virtual. A internet aproxima grandes distâncias, como no caso de amigos ou parentes que moram distantes, por outro lado, se não for usada com sabedoria,...

“Ensinando as Partes Explícitas da Bíblia para as Crianças” por Pr Nick Batzig

Uma das coisas que percebi na primeira vez que ensinei o livro de Gênesis por completo é que as narrativas patriarcais parecem muito mais com o tipo de coisa que você encontra nos seriados da TV a cabo do algo que você ouviria nos programas evangélicos matinais. Seja o relato de Cain assassinando seu irmão, o pecado sexual dos homens de Sodoma e Gomorra, o pecado de Abraão com Agar, o pecado de Judá com sua nora fingindo ser uma prostituta, o tratamento cruel de Simeão e Levi com os homens de Siquém, a traição dos irmãos de José ou a tentativa da mulher de Potifar de levar José para a cama, você não precisa ir além do primeiro livro da Bíblia para encontrar o que eu gosto de chamar de “as partes explícitas da Bíblia”. Como pastor, muitas vezes vejo pais expressarem preocupação com o que tem sido exposto a seus filhos pequenos na igreja. Seja uma referência ao sinal da antiga aliança, a circuncisão, sendo aplicado ao órgão reprodutivo masculino, ou alguma parte da narrativa Bíblica sendo discutida na Escola Dominical – não há como evitar a exposição de nossos filhos às porções da Escritura em uma igreja biblicamente fiel. De fato, eu diria que nós somos chamados a expô-los à realidade dessas coisas da forma correta. A Bíblia é muito mais explícita do que muitos de nós gostaríamos de admitir. Nas palavras de Rich Mullins: A Bíblia não é um livro para os fracos de coração – é um livro cheio de toda a ganância, glória, violência, carinho, sexo e traição que acometem a humanidade. Não...

“Perguntas e Respostas sobre Homossexualidade” por Pr Ageu Magalhães

1. Um cristão pode sofrer com sentimentos homossexuais? Sim. O pecado sexual é multiforme, dependendo de vários fatores. Não é difícil um crente se distanciar do Senhor e passar a praticar pecados que outrora não praticara. Desta forma, um heterossexual, dependendo de sua falta de comunhão com Deus e de seu nível de lascívia, pode passar por tentações deste tipo. 2. O que fazer quando isto ocorre? Arrepender-se do seu pecado e retornar aos caminhos de Deus. A Palavra nos ensina, em Gálatas 5.16, que se andarmos no Espírito jamais satisfaremos aos desejos pecaminosos da carne. Em Romanos 8.13 somos instruídos a mortificar, pelo Espírito, a nossa carne. 3. Existe ex homossexual? Sim. Quando consideramos que a homossexualidade é um desvio pecaminoso do que Deus fez, podemos afirmar que indivíduos que cessaram o pecado homossexual em suas vidas são ex-homossexuais. Geralmente os grupos promotores do homossexualismo rejeitam a designação “ex-homossexual” porque, para eles, o indivíduo nasce nesta condição. Todavia, do ponto de vista bíblico, ninguém nasce homossexual. É pecado aprendido e praticado. Neste sentido, Paulo escreveu aos coríntios mostrando que efeminados e sodomitas não herdariam o reino de Deus, e que alguns deles haviam estado em igual condição pecaminosa, mas haviam sido lavados, santificados e justificados por Jesus e por seu Espírito (1Co 6.9-11). Portanto, a homossexualidade não é pecado sem perdão. O sacrifício de Cristo é suficiente para pagar por este pecado também. 4. A forma que a mãe educa pode influenciar na tendência homossexual dos seus filhos(as)? Sim. Todavia, eu faria uma distinção aqui entre o trejeito e a prática homossexual. A educação de uma mãe pode...

“Como Ter Amizades Piedosas Com Rapazes” por Kristen Clark

Interagir com rapazes regularmente é uma coisa normal da vida. Algumas meninas investem tempo em amizades com rapazes, enquanto outras estranhamente evitam o contato com os rapazes. Independente se você se sente natural e confortável com rapazes ou não, você precisa saber qual a maneira correta e bíblica de tratá-los. Eu amo o que Leslie Ludy diz sobre este tópico, “Não é mais espiritual agir com timidez e insegurança em uma conversa com um cara. Você pode ser simpática, extrovertida e confiante com qualquer cara que você se encontra. A chave é falar e interagir com eles de forma que honre a Deus.” A maneira com a qual alguma garota trata um cara é um resultado direto de uma coisa – a maneira como ela vê rapazes em sua mente. Que tipo de garota você se parece mais? Garota nº 1: Ela vê todos os caras como um namorado em potencial e naturalmente age com flertes e chamando atenção quando está perto de um rapaz. Garota nº 2: Ela vê todos os caras como um amigo “do tipo irmão” e, naturalmente, os trata casualmente e à semelhança de suas amigas. Garota nº 3: Esta menina se sente realmente intimidada por caras. Age de forma insegura e nervosa perto deles. Ela tem medo de ter uma conversa cara-a-cara com qualquer rapaz. Será que alguma dessas garotas se parecem com você? Com tantos pensamentos e pontos de vista diferentes, qual é a melhor maneira para você tratar os rapazes em sua vida? Para obter algumas respostas, precisamos verificar a Bíblia e ver o que Deus diz sobre interações homem / mulher....

“Pecados Virtuais: Pecados Reais” por Pr. Fernando de Almeida

Possível fonte de perigo dentro de casa A mãe passa em frente ao computador e percebe que a filha de 15 anos o esqueceu ligado. Ao tentar desligá-lo, vê na tela algo que parecia ser um diálogo[1]: – vc tem icq??!?! – naum…issu eh koiza du passadu…… – entaum vo t addeah nu msn!!!!! – tudu bem…… – daih vc me passa u teu orkut??!?! – u enderessu tah nu meu blog…… – tem mtas foteenhas nu album??!?! – devi te umas 9 +-…… – blz…dpois tc…xau!!!!! – flw…t+…… Entendeu alguma coisa? Nada? Você precisa ler esse texto. Entendeu tudo? Você precisa ainda mais. I. Benefícios da modernidade Deus colocou o ser humano em um jardim. Adão e Eva habitaram o Jardim do Éden e lá Deus os pôs como vice-gerentes da Criação. A vontade de Deus foi que usassem a natureza de forma sustentável a fim de que ela trabalhasse para o conforto e bem-estar do ser humano. Por isso, a Nova Jerusalém, a recriação de Deus, não é mais um Jardim e sim uma cidade. Deus considera que apesar do pecado, nem todo progresso deve ser descartado. Com esse pressuposto, Deus criou o mundo para o ser humano aprendesse a manipulá-lo a fim de que seu conhecimento gerasse novos benefícios. A tecnologia é resultado desse processo; são infindáveis os benefícios que o ser humano recebe por conta das descobertas feitas nos mais diversos campos e de maneira especial, nos dois últimos séculos. A popularização do computador e o advento da internet fez com que o ser humano tivesse acesso a outros incrementos; além de aposentar de vez...

“Você está descontente?” por Erik Raymond

Cristãos devem ser pessoas contentes. Nós vemos isto demonstrado nas Escrituras através da vida do apóstolo Paulo (Fp 4.9-11). Também vemos que isso nos é ordenado em Hebreus 13.5. Bom, o que é contentamento? Eu defini da seguinte forma: Contentamento é o tranquilo espírito interior que alegremente se submete à providência de Deus. Como você sabe que está Descontente? 1. Você está murmurando sobre o Presente? Se nós estamos reclamando sobre algo que estamos passando no presente momento, então estamos discutindo com Deus. Estamos dizendo que nós não deveríamos estar passando pelo que estamos passando. Nossas experiências presentes nos servem como um ímã para puxar a nós ou o nosso descontentamento ou o nosso contentamento. Se estamos murmurando, então podemos ter certeza de que nós não somos contentes. Estamos essencialmente dizendo que Deus está fazendo algo errado. Devemos perceber que tal descontentamento questiona a sabedoria, bondade, e poder de Deus. 2. Você tem amarguras por causa do Passado? Todo mundo já passou por dias difíceis. Alguns sofreram mais que outros, mas todos já sentiram o aguilhão do pecado e dor que nosso mundo decaído nos dá. Muitas pessoas vivem sob a nuvem de suas experiências passadas e se tornam cada vez mais amarguradas. Com o passar do tempo, nós revisitamos e analisamos as situações a partir da perspectiva de uma vítima, somente para alimentar a nossa amargura. Não podemos estar contentes no presente quando estamos alimentando amargura a respeito do passado. Estamos essencialmente dizendo que Deus fez algo errado. Devemos perceber que tal descontentamento questiona a sabedoria, bondade, e poder de Deus. 3. Você está preocupando com o Futuro? O...

“Esmagada” por Nancy Guthrie

Minha querida irmã em Cristo: Tenho pensado muito em você essa semana, conforme o mundo – o mundo cristão em particular – explode com ultraje sobre a conversa arrogante da equipe médica de Paternidade Planejada, em relação ao esmagamento do corpo de bebês quando ainda no útero. Estou pensando em você por causa do aborto que teve antes de realmente ter Cristo como Salvador, ou talvez mesmo depois. E estou imaginando cada vídeo que você vê mostrado nos noticiários e no Facebook que te força a batalhar, novamente, com a vergonha e o arrependimento. Estou imaginando que deve haver uma data no calendário que retorna todo ano para te lembrar do dia que você entrou na clínica e depois saiu, deixando um pedaço de si mesma para trás. De ser um dia em que você quer se esconder do mundo e ficar triste, um dia quando os cheiros, os sons e as visões voltam para te assombrar, um dia quando o inimigo da sua alma te tenta a acreditar que o sangue de Jesus Cristo não é suficiente para cobrir este pecado. E quero que você saiba que fico triste com você pela perda de tudo que esse inimigo roubou de você naquele dia, a falsa promessa de liberdade que ele te fez naquele dia, e pelas acusações que ele tem continuado a lançar sobre você desde aquele dia, mesmo que você tenha confessado e pranteado a respeito do seu pecado. Ele quer te convencer de que  você cometeu algum tipo de classe separada de pecado quando a verdade é que todos pecaram de formas merecedoras do inferno. Ele quer te...

“Reflexões Sobre Discipulado de Mulheres” por Jani Ortlund

Muitas de nós têm fome de relacionamentos cristãos significativos. Frequentamos a igreja em busca de amizade e comunidade, mas, com frequência, saímos desapontadas. Ser parte do corpo de Cristo significa crescer numa comunhão mais profunda do que podemos obter numa manhã de domingo. E Jesus nos diz, por suas palavras e exemplo, como alcançar isso. Jesus disse: “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século” (Mateus 28.19-20). Uma grande linhagem de discípulos Jesus deseja que você seja parte de uma grande linhagem de discípulos seus. Ele ordena isso como um modo de vida, de maneira que a plenitude de sua vida em Cristo seja transmitida a outras, as quais, por sua vez, podem transmiti-la a outras até “a consumação do século”. Pense em sua vida daqui a trinta anos. Quão velha você será? Eu terei 92 anos. As minhas duas avós viveram bem até os seus noventa e poucos, e minha mãe está celebrando seus noventa este ano. É bem possível que eu tenha mais trinta felizes anos de serviço a Cristo diante de mim! Ainda assim, eu não quero ser o final da linhagem. Eu quero deixar para trás uma trilha de mulheres que amem a Cristo de todo o seu coração. O Salmo 78.1-7 desafia uma geração a anunciar “à vindoura geração os louvores do SENHOR, e o seu poder, e as maravilhas que fez”. Desse modo, nós trazemos Cristo também às...

“Todavia, eu sei que não sou mais virgem” por Pr. Leonardo Oliveira

Leia aqui o artigo “Virgindade perdida: ajuda prática para recuperar seu futuro” Apesar de terem tentado, o relacionamento de Jana e Nate, não foi duradouro. Após várias brigas e desentendimentos sobre a natureza do relacionamento sexual, o relacionamento deles chegou ao fim. O que atacou Jana de surpresa. E agora? Ela entregou sua virgindade para esse rapaz, mas agora, esse relacionamento chegou ao fim. Ela sabe que foi um pecado que ela cometeu. Se arrependeu, buscou o perdão divino, livrou-se de qualquer má influência e colocou seus pensamentos voltados para tudo aquilo que é bom e puro, e com Nate, ela nunca mais cometeu este pecado. Porém, a perspectiva mudou de figura, Jana, que imaginou que iria usufruir apenas do relacionamento sexual com seu namorado, futuro marido, agora acabou e, então, ela se viu como uma “mercadoria danificada”. Quem iria querer ficar com ela agora? Como ela poderia dizer a um jovem que se conservou puro para o casamento que ela não era mais? Tal pensamento assaltou seu coração de uma forma ainda mais brutal do que a noite em que ela cometeu este pecado. O sentimento que aquela mancha sempre estaria ali, o status de pecadora, literalmente, cravado em seu corpo. Sem saber o que dizer a ela, seus pais buscaram o pastor de sua igreja, que prontamente se dispôs a conversar com ela. Na tarde marcada, Jana chega ao escritório do pastor e conta tudo o que aconteceu, o que ela fez e como ela se sente. Então o pastor, ouvindo aquilo, abre sua Bíblia em 2 Coríntios 5.17 que diz: “E assim, se alguém está em...
Página 1 de 6312345...1020304050...Última »